Carreata por um trânsito mais seguro

por admin
1 visualizações

Como parte das atividades da Semana Nacional do Trânsito, foi realizada nesta terça-feira, 20, pela manhã, uma carreata envolvendo os grupos de motociclistas Viramundo Rasga Chão e Gaviões da Amazônia, autoescolas, alunos do Projovem, Sest/Senat, educadores de trânsito e sociedade civil. O objetivo é chamar a atenção do cidadão para o respeito e a cortesia no trânsito.

“Durante toda esta semana, estaremos com uma vasta programação voltada para a educação e a segurança nas vias públicas de Rio Branco. Esse trabalho também está sendo realizado nos demais municípios do Estado. Queremos mostrar que com paciência e cortesia podemos salvar vidas e melhorar o trânsito”, destacou a diretora-geral do Detran, Sawana Carvalho.

Para o presidente do grupo de motociclistas Viramundo Rasga Chão, Ênio Mariano, é importante cada um fazer sua parte. “Não é difícil testemunhar o desrespeito quando circulamos pelas ruas, por isso queremos mostrar o respeito ao pedestre e às faixas de travessia e convidar todos que possuam motocicletas para fazer parte desse movimento.”

Arrastões educativos

Além dessa atividade, a educação de trânsito do Detran, durante toda esta semana está realizando arrastões por diversos bairros da cidade. A ideia é trazer as famílias para fazer parte da campanha. Educadores vão de porta em porta, orientando sobre as regras básicas de segurança, como, por exemplo, utilização dos equipamentos de segurança, não ingerir bebida alcoólica e dirigir, atravessar sempre na faixa, entre outras.

“Quando a família nos recebe e escuta nossas orientações, convidamos a participar da campanha, conversando com os amigos e com outras pessoas da casa, e então, colocamos um adesivo onde está escrito: “Eu e Minha Família Fazemos Parte da Década de Ação Pela Segurança no Trânsito”. Assim, todos saberão que aquela casa aderiu ao clamor de um trânsito mais seguro. Os arrastões já foram realizados nos bairros Conquista e Cidade Nova, mas ainda falta a abordagem nas comunidades da Sobral, Tancredo Neves e Calafate”, explicou a gerente de educação de trânsito interina do Detran, Kelly Pinheiro.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo