Ação educativa para respeito ao estacionamento especial encerra Semana Nacional de Trânsito

por admin
0 visualizações

Por Igor Martins

Uma ação educativa para o respeito às vagas destinadas aos deficientes e idosos foi realizada no fim da tarde desta quarta-feira, 25. Os educadores de trânsito do Detran, acompanhados de representantes da RBTrans e 20 idosos do Trabalho Social com Idosos (STI) do Sesc Bosque, estiveram em estacionamentos de cinco redes de supermercados e do shopping center de Rio Branco. O trabalho faz parte da programação alusiva à Semana Nacional de Trânsito e também teve o apoio do Ministério Público Estadual, por meio da promotoria de Defesa e Cidadania.

Na oportunidade, a equipe fez abordagens aos condutores presentes nos estacionamentos, em especial os que estavam parados nas vagas prioritárias. Além disso, também realizaram a distribuição de materiais educativos e colagem de adesivos referentes à campanha “Esta vaga não é sua, nem por um minuto”.

Dentre os idosos que participaram da ação está o senhor João Mayoni Jurado, 82. Ele acredita que as palavras de conscientização vindas dos próprios idosos tocam mais profundamente a sociedade e fazem-na refletir. “As pessoas precisam entender que é preciso ter mais respeito com a gente”, ressalta.

A coordenadora do STI do Sesc Bosque, Marizete Melo, afirma que a participação dos idosos é muito importante, pois os fazem sentir incluídos e também responsáveis pela promoção de ações sociais tão válidas para a sociedade. “Ao perceberem as abordagens, até que aqueles que estavam estacionados nas vagas destinadas corriam para tirar os carros”, brinca.

De acordo com a coordenadora de educação de trânsito do Detran, Geny Polanco, a intenção é estender a campanha. “O governo do estado entende a importância deste trabalho e por isso vamos continuar desenvolvendo ações desta natureza. É uma questão de considerar o direito de cada, mas também de respeito à cidadania”, aponta.

Estacionamento especial

Por lei, os estacionamentos públicos e privados devem obedecer a reserva de vagas de 5% para 2% para deficientes físicos. Porém, os usuários necessitam de um cartão especial para isso. Em Rio Branco, a RBTrans é a responsável pelo credenciamento.

Para fazer o cartão, é necessário dirigir-se à sede da RBTRans, no bairro Xavier Maia, ou na OCA, munido de RG e CPF. O idoso precisa ter mais de 60 anos e o deficiente apresentar um laudo com o Código Internacional de Doenças (CID).

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) determina que o estacionamento irregular é considerado infração leve, cuja multa é de R$ 53,20 e adição de três pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo