Vai viajar de carro?

por admin
1 visualizações

Dezembro é tempo de férias. É também um mês em que pessoas resolvem viajar para passar as festas de fim de ano junto dos familiares em outras cidades, estados ou até países vizinhos. Muitos decidem fazer estes percursos por vias terrestres, em seus próprios veículos. Por isso, é um momento em que tanto os condutores quanto as autoridades devem redobrar suas atenções para manter a segurança no trânsito.

Por isso, antes de seguir viagem, os condutores devem ponderar uma série de pontos importantes. Segundo o Coordenador do Comando Integrado de Fiscalização de Trânsito (Ciftran), Sargento Sharles Nascimento, a primeira medida é avaliar as condições físicas e psicológicas de quem irá conduzir o veículo. “Muitos acidentes ocorrem por este motivo. Então, se o condutor apresentar sinais de cansaço ou tiver alguma restrição médica, é melhor que confie a direção a outra pessoa em perfeitas condições, devidamente habilitada”, afirma.

O coordenador atenta ainda que é essencial a revisão geral do veículo antes de qualquer viagem, ou seja, calibrar os pneus, checar os níveis de óleo, o step, as luzes dos faróis e os equipamentos obrigatórios de segurança, por exemplo. Ressalta também que “os viajantes devem sempre portar os documentos de licenciamento do veículo e a habilitação, além de estar com eles sempre em dia”. Se não o fizerem, estão sujeitos a medidas administrativas cabíveis.

É preciso atentar também às condições climáticas. Como essa época do ano é propícia a chuvas e temporais na região amazônica, alguns cuidados devem ser tomados em relação aos fenômenos naturais. “Em caso de neblina, os faróis devem permanecer acesos para aumentar a visibilidade. Se iniciar uma chuva intensa, deve-se acender os faróis, mesmo de dia, transitar em velocidade reduzida, ou até mesmo parar o veículo em local seguro e esperar a chuva passar, se for preciso”, esclarece sargento Sharles.

Para a diretora-geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Sawana Carvalho, outras duas medidas são essenciais, não somente àqueles que decidem viajar nessa época, mas para qualquer condutor, em todos os meses do ano. “A velocidade excessiva, bem como a ingestão de bebidas alcoólicas antes de dirigir são condutas que devem ser evitadas em qualquer circunstância. O governo do Acre e o Detran vão continuar fiscalizando, para assim educar nossos condutores. O que queremos, acima de tudo, é a paz no trânsito”.

O governo do Estado desenvolve uma série de ações preventivas com o intuito de reduzir o número de acidentes e, assim, alcançar um final de tranqüilo nas vias públicas acreanas. Uma delas é a operação Álcool Zero que, apesar de já estar sendo trabalhada desde março, em parceria com a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP), Superintendência Municipal de Trânsito (RBTrans), Polícia Militar e Polícia Civil, está sendo intensificada a partir desse mês para coibir a mistura entre bebida e direção.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo