Sena Madureira recebe educação de trânsito do Detran

por admin
0 visualizações

A educação de trânsito do Detran em parceria com a companhia de trânsito da polícia militar, está desde ontem, 15, no município de Sena Madureira para realizar atividades tanto nas escolas como nas vias públicas. Mais de dois mil alunos serão contemplados com palestras referente a bebida e direção e como se portar nas vias.

Durante esses dois dias o Detran irá realizar uma extensiva agenda de atividades que acontecem simultaneamente. “Enquanto a polícia militar palestra na escola Dom Júlio Matiolli para alunos do ensino médio, explicando sobre o que é e como é realizada a Operação Álcool Zero, outra equipe se faz presente na escola Raimundo Hermínio de Melo, orientando os alunos do ensino fundamental a como se portar nas vias”, explica a gerente de educação de trânsito, Geny Polanco.

A gerente relata ainda que além das duas palestras, os educadores de trânsito vão para as ruas para atuarem junto às faixas de travessias, orientando os pedestres e condutores de veículos. “Outras ações importantes que estamos realizando aqui em Sena é a abordagem e adesivaço que estamos realizando junto aos ciclistas e hoje pela manhã estaremos nas ruas fazendo um arrastão educativo, onde iremos de porta em porta explicando sobre a importância do cumprimento das leis de trânsito”, ressalta Geny.

Ela detalha ainda que ações voltadas aos ciclistas são de grande relevância, pois depois dos pedestres eles são os mais vulneráveis no trânsito. “Por isso, estamos colocando adesivos refletivos nas bicicletas e também orientando sobre a maneira mais segura de se portar nas vias”.

A diretora do Detran, Sawana Carvalho, relata que no início do ano foi realizado no município de Sena Madureira a implantação de sinalização horizontal e vertical da área central e também de algumas vias situadas nos bairros. Outra coisa de grande relevância foi a implantação de semáforo. “Após a realização dos serviços nossa engenharia detectou a carência da população no que se refere a educação de trânsito e nos comunicou. Além disso, temos como uma de nossas metas alcançar todos os municípios do Acre até o final do ano com nossas equipes de educação”, ressalta Sawana.

Segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), no Brasil, gastos com hospitais, seguro de saúde e de automóvel, mobilização de policiamento, juizado e ambulância, custam anualmente aos cofres públicos 28 bilhões de reais.

A coordenadora pedagógica da Escola Dom Júlio Mattioli, Elza de Sá, elogiou a programação do Detran e falou da importância de atividades voltadas para a valorização da vida no trânsito. “Nossa escola possui 14 turmas em cada turno, se cada aluno repassar para seus familiares e amigos o que ouviram aqui, certamente conseguiremos atingir muito mais pessoas, disse Elza.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo