Regionais da Polícia Militar recebem decibelímetros

por admin
0 visualizações

Na manhã de ontem, 25, no gabinete da diretoria-geral do Detran, comandantes dos batalhões das cinco regionais da Polícia Militar estiveram presentes para, em conjunto com o Detran, definir pontos para a unificação dos trabalhos realizados pelos dois órgãos da segurança pública.

“Estaremos trabalhando em conjunto – engenharia e fiscalização. O objetivo do governo do Estado é dar maior segurança no trânsito da capital”, explicou a diretora-geral do Detran, Sawana Carvalho.

Na ocasião também foram entregues decibelímetros para serem utilizados pelos pelotões de trânsito dos batalhões e pela Ciatran. Para o capitão Sousa Filho, da 3 Regional, tudo que venha a contribuir para o bom desempenho do policial militar é de fundamental importância. “O Detran, preocupado com isso e querendo proporcionar mais firmeza nas constatações técnicas, fez a distribuição aos batalhões”, afirmou.

“Ao todo, teremos 11 decibelímetros para auxiliar nos trabalhos, sendo seis para Pelotões de Trânsito da Polícia Militar e cinco para nossos agentes autárquicos”, contabilizou a diretora-geral do Detran.

Entenda o que é e para que serve um decibelímetro

O nome técnico do aparelho é “medidor de nível de pressão sonora”, ou, ainda, “medidor de nível da intensidade sonora”, podendo também ser chamado de “MNS”. Serve para medir as variações da pressão atmosférica causada pelo som e convertê-las em decibéis.

Popularmente chamado de decibelímetro, o aparelho pode ser utilizado em perícias, bem como avaliação e controle de nível de ruídos em eventos, bares, boates e carros, entre outros.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo