Governo sanciona leis que concedem auxílios aos servidores do Detran

245 visualizações

Eduardo Gomes

O governo do Acre sancionou dois projetos de lei que garantem reajuste no auxílio-alimentação e concede auxílio-saúde aos servidores efetivos do Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran/AC). Os PLs foram aprovados por unanimidade, durante sessão plenária na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), na madrugada da última sexta-feira, 1º de abril.

O novo valor corrige as perdas inflacionárias acumuladas no período e deixa o benefício em patamar de superávit.

Completando 12 anos de efetivo exercício de suas funções no último mês de fevereiro, os servidores do quadro do Detran/AC terão, além do aumento concedido pelo governo de 5,42% no salário-base, mais esses dois benefícios.

Em abril de 2021, durante solenidade de encerramento das atividades do Maio Amarelo, o governador Gladson Cameli prometeu que nas próximas negociações salariais os servidores da autarquia estadual de trânsito seriam contemplados com o que lhes era devido a título de merecimento e valorização. Hoje, ele celebra a conquista dessa classe tão importante para a administração.

“Os funcionários públicos são peças fundamentais para a nossa gestão e merecem ser bem remunerados. São eles os responsáveis por implementar na prática a política de trânsito do nosso governo e têm nos ajudado neste momento tão delicado da pandemia. Eles não pararam e sempre estiveram de prontidão quando o Estado mais precisou”, disse Cameli.

Os vencimentos

O aumento real nos vencimentos dos trabalhadores representa a valorização do servidor efetivo, que se dedica em atender a população que utiliza os serviços do Detran/AC na capital e em suas 12 representações nas cidades do interior do estado. A conquista é resultado do trabalho incansável do Conselho Diretor do órgão e da confiança depositada no trabalho realizado por quem faz a autarquia.

“Trabalhamos para garantir segurança financeira às famílias dos servidores. Com esse tipo de atitude, o Estado corrige uma série de perdas acumuladas nas carreiras, que vinham se acumulando ano após ano, e reafirma o compromisso com a categoria”, destacou Taynara Martins, presidente do Detran/AC.

Banco de horas e diretor efetivo

Mais um ganho para a categoria diz respeito ao aumento do banco de horas para os ocupantes do cargo de agente de trânsito. Agora os trabalhadores poderão fazer até 100 horas-extras mensais, quando anteriormente o máximo era 70 horas.

A partir de agora, pelo menos uma das diretorias do Detran será ocupada por servidor efetivo. Foto: Ascom Detran

Outro projeto aprovado na Aleac altera a lei de criação do Detran e prevê a obrigatoriedade da ocupação de pelo menos um dos cargos de direção por servidor do quadro efetivo da autarquia. A critério da gestão estadual, a titularidade da Diretoria de Operações, Diretoria Administrativa e Financeira ou a Presidência será exercida por um técnico administrativo, agente de trânsito, examinador, assistente técnico ou pedagogo do órgão.

“Nós fizemos uma justa aliança com o Conselho Diretor do Detran e acreditamos que nossas pautas poderiam ser atendidas. Saímos vitoriosos dessa negociação e com a garantia de segurança jurídica para negociações futuras relacionadas a estes benefícios”, ressaltou Isacc Moura, presidente do Sindicato dos Servidores do Detran (Sindetran). Post Views: 350

Talvez queira ler essas notícias

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo