Detran orienta sobre como agir no trânsito quando falta de energia paralisa os semáforos

por admin
3 visualizações

Condutor deve se basear nas cores e não na contagem para evitar transtornos maiores

A correria do dia a dia para deixar as crianças na escola e ainda não perder o horário de trabalho pode ser agravada quando de repente, falta energia. As constantes interrupções no fornecimento de energia elétrica em Rio Branco têm gerado dúvidas sobre qual atitude adequada os condutores devem tomar ao se encontrarem nos cruzamentos que possuem semáforos com contadores digitais.

Segundo o engenheiro do Detran, Marcos Lourenço, todas as vezes que falta energia o contador leva um curto espaço de tempo para reconhecer a programação, por isso o equipamento “trava” no 01. Ele orienta que os condutores devem se basear nas cores, pois o contador servirá apenas como referência.

Nas circunstâncias de falta de energia elétrica, em cruzamentos que tenham instalados os conhecidos “furões” (instrumentos de monitoramento), não há possibilidade das infrações serem registradas. É importante observar a seguinte situação: quando o semáforo estiver “travado” no 01 é porque faltou energia e a programação será restabelecida em pouco tempo. Neste caso de reprogramação semafórica, os proprietários dos veículos não serão autuados pelos furões.

“Por mais que o Detran disponibilize agentes de trânsito, imediatamente, quando interrupções elétricas ocorrem, solicitamos atenção redobrada para evitar acidentes”, enfatiza o diretor-geral do Detran, Reginaldo Prates. O condutor que insistir em passar no sinal vermelho pode colocar a vida dos demais em risco. Por isso, é fundamental bastante cautela e paciência nesses casos.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo