Detran orienta na regularização de CNH cassada ou suspensa

por admin
1 visualizações

Apesar das medidas adotadas pelo Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran/AC), para tornar os condutores mais conscientes no trânsito, ainda são constantes os casos de suspensão e cassação de Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Só em 2016, mais de 1,4 mil motoristas tiveram a habilitação cassada ou suspensa no estado. Os motivos para as penalidades são os mais diversos.

Um deles é quando o condutor comete uma infração gravíssima, como dirigir embriagado ou realizar manobras perigosas, atrapalhar bloqueio policial e pilotar sem capacete. Nesses casos, a habilitação é automaticamente suspensa.

Outro caso é quando o motorista alcança a pontuação, oriunda de infrações no trânsito, igual ou superior a 20 pontos num período de 12 meses.

O diretor do Detran, Pedro Longo, explica que o condutor é notificado para realizar a entrega da habilitação ao Detran. A partir disso, passa a contar o período de suspensão estabelecido na sentença, que varia de seis a 12 meses, além da aplicação das penalidades administrativas previstas.

“Um dos critérios para reaver a habilitação suspensa é realizar curso de reciclagem em um dos centros de formação de condutores credenciados pelo Detran, com, no mínimo, 30 horas aula” disse Migueis.

Recuperando a habilitação suspensa

Passado o período de suspensão e cumpridas as penas administrativas, o condutor deve solicitar a CNH na corregedoria do Detran, localizada na Avenida Nações Unidas, n° 2.137,  em frente o 7° BEC, no horário das 7 às 16 horas. Já para os condutores do interior, o processo de reabilitação pode ser realizado na Ciretran do município, no mesmo horário.

Para isso, é necessário apresentar documento oficial de identificação com foto e Certificado do Curso de Reciclagem. No caso de representante legal, a procuração deve ser assinada e reconhecida em cartório e específica para o serviço.

Casos de habilitação cassada

Já quem teve a habilitação cassada só pode voltar a dirigir após cumprir o prazo estabelecido na sentença, que pode variar de 8 meses a 2 anos e refazer todo o processo de habilitação.

“A habilitação é cassada em caso de reincidência em uma das infrações em que a suspensão é automática ou se atingir novamente os 20 pontos na habilitação no período de 12 meses, ou, ainda, quando a pessoa que teve o direito de dirigir suspenso e é flagrado conduzindo veículos” explica Pedro Longo.

Talvez queira ler essas notícias

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo