Detran busca parcerias para implantar núcleo de apoio a vítimas de acidentes

por Detran AC
0 visualizações

 Eduardo Gomes  25/11/2020

Buscar apoio institucional para garantir a execução de projetos e outra iniciativas de apoio a vítimas de acidentes de trânsito: foi com esse objetivo que a equipe da Diretoria de Operações do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) se reuniu nesta terça-feira, 24, com a primeira-dama do Acre, Ana Paula Cameli.


O núcleo de apoio às vítimas de trânsito será formado por uma rede de órgãos públicos Foto: Neto Lucena/Secom

A ideia é montar um núcleo que possa orientar e oferecer atendimentos especializados aos familiares e vítimas. A parceria deve integrar algumas entidades públicas na prestação desses serviços.

“Nossa preocupação é com a situação das famílias das vítimas, como alcançá-las com os serviços que o Estado pode oferecer no momento pós-acidente. Nós já realizamos um trabalho preventivo, mas é preciso estender a atuação do Detran”, disse Taynara Martins, diretora de Operações do Detran.


O núcleo vai contar com o apoio institucional do Gabinete da Primeira-Dama Foto: Neto Lucena/Secom

Uma das maiores demandas de quem se envolve em acidentes de trânsito está relacionada aos procedimentos necessários para requerer o Seguro por Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT), que oferece cobertura total e parcial para vítimas fatais e não fatais.

O trabalho do Detran tem três eixos principais de atuação: a engenharia, a fiscalização e a educação, que é responsável pela conscientização direta do cidadão a respeito da adoção de comportamentos prudentes no trânsito.

“O Detran já realiza um grande e importante trabalho, e nós precisamos ampliá-lo. A iniciativa de criação do núcleo é louvável e a equipe pode contar com todo apoio que precisar aqui do nosso gabinete, na formação de uma rede de parceiros”, afirmou Ana Paula Cameli.

Talvez queira ler essas notícias

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo