Audiência pública para debater uso de simuladores é realizada em Brasília

por admin
0 visualizações

Por Jannice Dantas

A presidente da Associação Nacional dos Diretores de Detrans (AND), Sawana Carvalho, esteve nesta quarta-feira, 23, na Câmara dos Deputados em Brasília/DF para participar de audiência pública para debater a implementação e obrigatoriedade do uso dos simuladores de direção veicular em centros de formação de condutores em todo o país.

A audiência solicitada pela Comissão de Viação e Transportes contou com a participação das Comissões de Defesa do Consumidor e de Finanças e Tributação. Na ocasião, a presidente da AND apresentou um estudo realizado pelo Detran do Rio Grande do Sul, por meio do qual é apontado que o uso dos simuladores diminuiu a quantidade média de aulas práticas realizadas pelos candidatos à obtenção de Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Sawana Carvalho defendeu a implantação como forma de melhoria na formação do condutor. “É preciso lembrar que a CNH é uma concessão pública e não um direito adquirido, que o Estado tem responsabilidades com os condutores aprovados nos testes práticos. Por isso, quanto mais focarmos na boa formação, teremos mais segurança e melhores condutores no trânsito brasileiro”, relatou.

Os simuladores de direção veicular tiveram a sua implementação obrigatória nas autoescolas por determinação do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), desde o início de janeiro deste ano, e vem sendo utilizados durante a formação dos candidatos à CNH na categoria “B”.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Ir para o conteúdo